RETRATO DA SEMANA

RETRATO DA SEMANA
Realmente, o assunto Baiano Candinho despertou grande interesse em nossos leitores. Olhem só a verdadeira relíquia que nos chega através do meu amigo e parceiro de cavalgadas Marco Aurélio Angeli, carinhosamente cohecido como Zoreia, um dos homens mais campeiros deste Rio Grande. O flagrante é um retrato, talvez único, onde aparece Baiano Candinho (o penúltimo sentado a direita). Tal chapa, segundo a saudosa avó do Marco Aurélio, foi por ocasião de uma eleição. O que podemos concluir, é que estas pessoas (reparem as vestimentas) faziam parte do famoso Esquadrão Josaphat durante a Revolução Federalista aonde Candinho era o grande líder na região de Três Forquilhas. Tal foto faz parte do acervo do Marco Aurélio.

COMEÇANDO A LIDA BLOGUEIRA COM:

quinta-feira, 29 de junho de 2017

REPONTANDO DATAS / 29 JUNHO



Em 29 de junho do ano de 1860 nasce, em Cruz Alta, Júlio Prates de Castilhos, Presidente do estado do Rio Grande do Sul que exerceu influência singular sobre a política gaúcha. Redigiu praticamente sozinho a Constituição do Estado de 1891. O Castilhismo consolidou-se como corrente política e teve voz ativa por cerca de quarenta anos. Borges de Medeiros, sucessor de Castilhos, seguiu firmemente os ideais do mestre. No plano nacional, Getúlio Vargas procurou implementar o castilhismo no Estado Novo (1937 a 1945).

Em 29 de junho do ano de 1905 nasce, em Santa Maria, Pedro Luiz Botari, padre, poeta e escritor singular, que teve como grande obra a edição do livro O Gênio do Pampa.
Em 29 de junho de 1906 nasce, em Imaruí, SC, Pedro Raymundo, compositor, cantor e instrumentista, filho do pescador e sanfoneiro João Felisberto Raimundo. Pedro Raymundo foi um dos precursores da música regionalista do Rio Grande do Sul e serviu de exemplo a dezenas de artistas gaúchos como os Irmãos Bertussi.

Em 29 de junho de 1942 nasce, em Pontão de Santa Maria, São Luiz Gonzaga, o Tronco Missioneiro e Mestre da Cultura Popular Brasileira Pedro Ortaça.

Em 29 de junho de 1957 é criada a Estância da Poesia Crioula, entidade voltada para a pesquisa e preservação da arte poética nativa do Rio Grande do Sul.