RETRATO DA SEMANA

RETRATO DA SEMANA
Bandeira do Rio Grande hasteada na chaminé de 92 metros do Shopping Total em Porto Alegre. Foto: Divulgação Shopping Total.

sexta-feira, 2 de setembro de 2022


  SÍTIO DO LAÇADOR RENOVADO 


Anselmo Cunha / ZH

Após cinco meses de trabalhos de restauração, as melhorias no Sítio do Laçador, em Porto Alegre, foram entregues na manhã desta quinta-feira (1º), em cerimônia que contou com apresentação do grupo Tchê Barbaridade em um palco montado em frente ao monumento. 

A estátua do gaúcho, feita pelo escultor pelotense Antonio Caringi, agora está rodeada por bancos pintados e vegetação renovada. Uma banca para venda de lanches e recordações, batizada de Banca do Laçador, foi instalada no local. Em 2019, os proprietários Rafael Garibaldi, 32 anos, e a esposa, Angélica Costa Soares, 33, vendiam café dentro do próprio carro para motoristas de aplicativo que costumavam ficar pela região. Agora, já percebem a mudança no perfil dos frequentadores.  

— Mudou o público. E em dia de chuva, a gente não podia trabalhar. Se chovesse uma semana, ficava sem salário. Agora melhorou — avalia o comerciante. 

Com a loja, turistas que visitam o Laçador podem levar uma lembrancinha para casa. Entre as opções, estão canecas, porta-canetas, cuias, bombas, erva-mate e enfeites de chimarrão.

O sítio ainda vai receber uma base de vidro para a estátua, e serão instalados painéis de led com informações históricas. Iluminação especial também será colocada em breve. 

A adoção do local foi feita pelo consórcio Metrooh, formado pelas empresas Imobi, Sinergy e Midialand. O investimento total é de R$ 108 mil. Em fevereiro, foi entregue a recuperação da estátua inspirada no folclorista Paixão Côrtes.

O monumento recebeu investimento privado de R$ 803 mil, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, e R$ 90 mil em recursos da prefeitura.

O Laçador foi inaugurado em 20 de setembro de 1958 no Largo Bombeador, onde hoje se encontra o Viaduto Leonel Brizola.