RETRATO DA SEMANA

RETRATO DA SEMANA
Bandeira do Rio Grande hasteada na chaminé de 92 metros do Shopping Total em Porto Alegre. Foto: Divulgação Shopping Total.

domingo, 21 de agosto de 2022

PÉSSIMA NOTICIA PARA UM DIA TÃO LINDO



Nesta madrugada, através do poeta Cândido Brasil, recebemos a triste notícia agora reforçada pelo Jairo Reis de que o amigo, poeta e irmão de uma Ordem Maior, Luis Lopes de Souza faleceu na noite de ontem na cidade de Bagé, aonde participava de um festival de poesias. Segundo algumas pessoas presentes ao evento, como nos relatou o Cândido Brasil, ele suava muito apesar do frio. Sentiu-se indisposto e foi para o carro descansar. Quando seus amigos foram ver o que acontecia, foi encontrado já sem vida. 

Luis Lopes de Souza era um excelente poeta e travamos uma forte amizade quando, neste ano, fiz o prefácio de seu último livro (matéria abaixo). 

É mais um membro da Estância da Poesia Crioula que cruza a cancela da existência para tapar de versos as Sesmarias do Infinito.   


 NO DIA 22 DE JUNHO 

AINDA FIZEMOS A SEGUINTE POSTAGEM



Acabo de receber o livro de poesias gaúchas NOS SARAUS DOS MEUS FANTASMAS do poeta Luis Lopes de Souza. 

Crioulo do interior de Marau, Luis Lopes de Souza, residindo em passo Fundo há vários anos, conhece o riscado, vivenciou vários momentos e sabe dos poemas que verseja. Bacharel em direito, ator, tradicionalista, declamador e compositor, o autor tem inúmeros trabalhos gravados em CDs sendo multicampeão em festivais pelo Estado. 

Nos Saraus Dos Meus Fantasmas, impresso na gráfica Bom Pastor, é a terceira obra deste confrade da Estância da Poesia Crioula e tem como responsável pela bela capa Joana Trindade Dalle Zotte. 

Tive a honra de ser convidado a prefaciar este significativo trabalho, fato que me deixou lisonjeado face a importância de tal livro. Parabéns e sucesso, meu Irmão.