RETRATO DA SEMANA

RETRATO DA SEMANA
Realmente, o assunto Baiano Candinho despertou grande interesse em nossos leitores. Olhem só a verdadeira relíquia que nos chega através do meu amigo e parceiro de cavalgadas Marco Aurélio Angeli, carinhosamente cohecido como Zoreia, um dos homens mais campeiros deste Rio Grande. O flagrante é um retrato, talvez único, onde aparece Baiano Candinho (o penúltimo sentado a direita). Tal chapa, segundo a saudosa avó do Marco Aurélio, foi por ocasião de uma eleição. O que podemos concluir, é que estas pessoas (reparem as vestimentas) faziam parte do famoso Esquadrão Josaphat durante a Revolução Federalista aonde Candinho era o grande líder na região de Três Forquilhas. Tal foto faz parte do acervo do Marco Aurélio.

COMEÇANDO A LIDA BLOGUEIRA COM:

terça-feira, 18 de julho de 2017

LEITORES ATENTOS


Sobre nossa postagem de ontem, falando da criação do festival Ronco do Bugio, nosso amigo velho, o Marcelo Ferreira Cosma, um filho de Lagoa Vermelha aquerenciado lá por São Chico de Paula, leitor assíduo deste chasqueiro da cultura gaúcha, nos manda dizer o seguinte (e ainda nos remete a capa do primeiro Ronco do Bugio):
 
Na foto que você postou em seu blog aparece Fátima Gimenez acompanhada do Grupo Tempero defendendo a música Pinheiro Gringo, de Eriam Fogaça. Tal música tirou o segundo lugar e Fátima foi a Melhor Intérprete.
 
Capa do 1º Ronco do Bugio, com ilustração de João Cincinato