RETRATO DA SEMANA

RETRATO DA SEMANA
26º RONCO DO BUGIO (1 e 2 Setembro) - PRAZO DE INSCRIÇÕES DIA 28 DE JULHO

COMEÇANDO A LIDA BLOGUEIRA COM:

segunda-feira, 18 de julho de 2016

TRÊS PONTOS BÁSICOS



Já falamos sobre este tema, várias vezes, aqui neste espaço. Mas como findamos mais uma triagem para o festival Ronco do Bugio e os fatos se repetem, voltamos a mencionar o assunto.
 
Quero deixar claro que não faço parte da comissão de avaliadores do festival mas, como o procedimento (triagem) aconteceu em meu galpão Aconchego dos Gaudérios, percebi, meio de soslaio, o mesmo rumo de interpretação de quando fui jurado outras tantas vezes.
 
Muitos concorrentes tem para si que sua composição é perfeita e não entendem o porque de que a mesma não foi classificada,. Então, vamos repetir os três pontos básicos para sair-se bem numa classificatória do Ronco:
 
1 - RITMO: O Ronco do Bugio é o único festival desta Província de São Pedro onde só se permite um compasso, ou seja, o bugio. Pelo que percebi na tarde de sábado muitas concorrentes de boa qualidade deixaram de classificar-se por serem vaneiras, chamarras... menos bugio. Se os avaliadores permitirem que um ritmo que não seja o exigido no regulamento suba ao palco, a cobrança virá, com certeza.
 
2 - LETRA: A maioria dos concorrentes continua vinculando a letra com a jocosidade, com coisas engraçadas, por vezes grosseiras e falando especificamente do primata, do bicho bugio. Se o ritmo é obrigatório, a letra permite a vastidão de ideias. Letras com começo, meio e fim, que tragam uma mensagem bonita, diferenciadas, de interesse geral, até românticas, sempre serão bem-vindas.
 
3 - INTERPRETAÇÃO: Muitos participantes avisam antes de começar a música. - "Gravação apenas para triagem".  Isto é uma preparação aos jurados de que não virá coisa boa em se tratando de interpretação. Não tem que ser assim. Um boa gravação, com voz afinada, bons arranjos, vocal a contento, harmonia, faz parte do jogo pois quem garante aos jurados que, caso classificada, tal composição irá melhorar muito no dia da apresentação?
 
Tudo isto parece detalhes insignificantes, mas que num contexto de mais de cem composições para retirar apenas dez, faz muita diferença.