RETRATO DA SEMANA

RETRATO DA SEMANA
26º RONCO DO BUGIO (1 e 2 Setembro) - PRAZO DE INSCRIÇÕES DIA 28 DE JULHO

COMEÇANDO A LIDA BLOGUEIRA COM:

segunda-feira, 14 de março de 2016

VENCEDORES DO 32º REPONTE


 
A última noite do 32º Reponte da Canção foi marcada pelo anúncio das vencedoras do festival, entrega da premiação e o show de Guri de Uruguaiana. A música popular gaúcha “O assombro dos sobrados”, de canguçu e Caxias do Sul, na linha manifestação regional, e a mazurca “Semente de Luz”, de Lavras do Sul e Pelotas, na linha campeira receberam o título de campeãs do 32º Reponte da Canção. Ambas as composições receberam o Troféu Seival.
 
 
A composição “Semente de Luz” também foi escolhida melhor poesia na linha campeira, com letra de Gujo Teixeira, melhor intérprete, Joca Martins, na linha campeira, e melhor melodia da linha campeira, de autoria de Cristian Camargo e Luciano Fagundes. A composição “O assombro dos sobrados” também conquistou o troféu de melhor intérprete na linha manifestação regional, com Marco Gottinari.
 
Confira as composições premiadas no 32º Reponte da Canção:
1º Lugar – Troféu Seival:
- Linha Campeira: “Semente de Luz”;
- Linha Manifestação Regional: “O assombro dos sobrados”;
2º Lugar – Troféu Lanceiros Negros:
- Linha Campeira: “Nos dias calmos da estãncia”;
- Linha Manifestação Regional: “4x4”;
Composição mais popular – Troféu Caixa Econômica Federal:
- “Sobre a folha do papel”;
Melhor instrumentista da linha campeira – Troféu Ernani Ferreira:
- Maicon Oliveira, no violão, pela composição “Nos dias calmos da estância”;
Melhor instrumentista da linha manifestação regional – Troféu Ernani Ferreira:
- Guilherme Goulart, no acordeon, pela composição “Canto caboclo”;
Melhor intérprete da linha campeira – Troféu César Passarinho:
- Joca Martins, pela composição “Semente de Luz”;
Melhor intérprete da linha manifestação regional – Troféu César Passarinho:
- Marco Gottinari, pela composição “O assombro dos sobrados”;
Melhor poesia – Troféu Sérgio Laforet Padilha:
- Linha campeira: “Semente de luz”, letra de Gujo Teixeira;
- Linha manifestação regional: “Jogo de palavras”, letra de Vaine Darde;
Melhor arranjo instrumental – Troféu Lagoa dos Patos:
- Linha campeira: “Fim de setembro”, de autoria de Kiko Goulart;
- Linha manifestação regional: “4x4”, arranjo coletivo;
Melhor melodia – Troféu Noel Guarany:
- Linha campeira: “Semente de Luz”, com música de Cristian Camargo e Luciano Fagundes;
- Linha manifestação regional: “4x4”, com música de Rodrigo Duarte;
Melhor tema litorâneo – Troféu Costa Doce:
- “Passarinho, homem que avôa”;
Troféu Raízes – oferecido à personalidade que se destacou na trajetória do Reponte da Canção:
- Equipe da Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio;
- Comissão Artística e de Divulgação do 32º Reponte da Canção;
- O músico Mário Freitas, pelo Projeto Reponte na Escola;
- Person Praxedes, responsável pelos bastidores;
- Associação do Caminho Pomerano.
 
Confira as composições premiadas no 24º Pérola Em Canto:
1º lugar na linha campeira – composição classificada para o 32º Reponte da Canção:
- “Bordonas”;
1º lugar na linha manifestação regional – composição classificada para o 32º Reponte da Canção:
- “Sobre a folha de papel”;
Melhor poesia na linha campeira – Troféu Peão das Águas:
- “No meu Costado”, letra de Raphael Madruga;
Melhor poesia na linha manifestação regional – Troféu Peão das Águas:
- “Da armada ao Caverá”, com letra de Mauro Rosa e Darcy Rosa.
Melhor arranjo instrumental na linha campeira – Troféu Peão das Águas:
- “Bordonas”, arranjo;
Melhor arranjo instrumental na linha manifestação regional – Troféu Peão das Águas: